• Home
  • /
  • Diesel ou gás: o aluguel de geradores é a solução – SuperGera

Diesel ou gás: o aluguel de geradores é a solução – SuperGera

Data: 5 de agosto de 2019

Aluguel de geradores de energia à diesel ou gás é a solução!

Seja optando pelo aluguel de geradores em stand-by, suprimento em situações de queda de fornecimento da concessionária, ou para soluções de locação durante picos de consumo e manutenção de máquinas, os geradores da SuperGera estão prontos para atender às mais diferentes demandas. A SuperGera oferece soluções de locação de geradores com seus acessórios, locação de bancos de carga para comissionamento e diversas soluções em climatização e resfriamento, com locação de equipamentos como chillers, rooftop e fancoil, disponibilizando o projeto sob medida para negócios em diversos segmentos do mercado.

Projetos e soluções customizadas, de acordo com a real necessidade do cliente:

Consultoria especializada em locação de geradores com soluções rápidas e confiáveis para atender projetos de alta e baixa complexidade. A SuperGera possui soluções integradas completas em conjunto com ampla gama de geradores com diversas faixas de potência, possibilitando criar projetos sob medida de para diversos perfis de empreendimentos em seus momentos de maior demanda e necessidades. Além disso, possui um know-how para atendimento em projetos de diversas complexidades e demanda de diferentes segmentos que vão desde mineração, passando por indústria, energias renováveis, até comércio/serviços, 24 horas por dia, 7 dias na semana em qualquer lugar do Brasil.

Conheça 07 passos para locação de geradores:

Uma forma simplificada para acertar na hora da locação de geradores é através de um checklist. Com estes 7 pontos respondidos, você já pode solicitar um orçamento. Veja só:

Definir a potência do gerador:

A definição da potência do gerador de energia deve ser inteiramente baseada no tipo de carga (equipamentos para telecomunicações, climatização, iluminação, fornos, motores de indução, entre tantos outros) e especialmente na demanda e consumo ativo que esse equipamento irá alimentar. Assim que a demanda de potência elétrica é determinada, o gerador pode ser definido, tornando-se possível optar pela potência ideal a ser aplicada.

Definir a franquia de horas:

O gerador a ser alugado vai ficar ativo por quantas horas ao dia? E por quantas horas os aparelhos conseguem permanecer em funcionamento sem que haja o fornecimento de energia? Quais são os riscos envolvidos nos casos em que o gerador é interrompido indevidamente? Você sabe por quanto tempo o gerador tende a ficar ligado? Todas essas informações são cruciais para determinar a franquia de horas pela qual o equipamento será alugado, podendo variar entre 8, 12 ou 24 horas. Portanto, é importante informar com precisão esse período à empresa locadora, uma vez que as manutenções da máquina são normalmente planejadas em função das horas de uso do motor.

3. Definir a tensão demandada pelos geradores

220v, 380v, 440v, 480v ou 13,8kv? Caso não saiba, é possível achar essa informação no manual, sendo que muitos fabricantes costumam disponibilizar os dados via internet. Por isso, com a soma desse consumo, basta converter a medida de watts para kVA, considerando de 25 a 30% a mais de potência excedente como segurança (no caso de a carga atingir o limite de fornecimento do gerador). Mas calma, esse cálculo pode ser facilmente feito pela calculadora desenvolvida pela SuperGera.

4. Definir detalhes sobre o funcionamento do gerador

Os geradores podem ser utilizados de duas formas: contínua ou em módulo Stand By. Na alimentação contínua, os geradores são ativados quando o local não dispõe de energia da concessionária ou necessita de energia complementar. Além disso, a alimentação contínua serve também para economia de energia nos horários de pico. Já em relação ao funcionamento em módulo stand by, o gerador é usado como backup para atuar somente nos períodos em que a energia sofre interrupções. Além disso, é preciso saber se existem outras fontes de energia além do grupo gerador, se o gerador alugado servirá como reserva de outro ou se será ativado somente na hora em que a energia elétrica falhar em função de inúmeras causas.

Definir a metragem dos cabos utilizados na locação de gerador

Você tem ideia de quantos metros de cabo serão necessários para ligar todos os equipamentos ao gerador? É um detalhe simples, mas que se for negligenciado, pode causar inúmeros transtornos. Saiba mais na listagem de acessórios essenciais.

Determinar o local onde será instalado o gerador de energia

Por medidas de segurança e transporte do equipamento, é imprescindível ter essa informação antes de alugar o gerador, até mesmo para saber se as dimensões irão caber no local predestinado. Por exemplo, um gerador na faixa de 300 e 750 kVA tem peso a partir de 4000 quilos e as seguintes dimensões:
  • Comprimento entre 4 e 5,90 para o módulo Stand By
  • Largura entre 1,15 e 1,91 para o módulo Prime
  • Altura entre 2,15 e 2,75 para o módulo Contínuo

Estipular o período de locação de gerador, incluindo a data de início

É de extrema importância definir informações relacionadas ao período de locação, além da data de início, pois influem diretamente no custo do serviço e na quantidade de combustível que será necessária para o abastecimento do reservatório.
Copyright © 2018 SUPERGERA. Todos os direitos reservados.

Criação e Desenvolvimento: